R.I.P. JUNIOR MURVIN

junior-murvin-2Júnior Murvin morreu aos 67 anos.
O Jamaica Observer escreveu que o cantor morreu no Hospital Port Antonio em Portland na manhã (2 de dezembro). Mais conhecido pelo single clássico “Police and Thieves”, produzido por Lee “Scratch” Perry, em 1976 – nome verdadeiro Murvin Júnior Smith sofria de diabetes em estado avançado no momento da sua morte.

Os 1977 Police and Thieves, foi a estréia do LP de Murvin apoiado por The Upsetters. Ele lançou o seu último álbum de estúdio, World Cry, em 1995.

The Clash fizeram a cover Police and Thieves no seu álbum de estréia, em 1977.

Anúncios

KIM SHATUCK- PIXIES- PRIMAVERA SOUND 2014

kimOs Pixies despediram a nova baixista substituta de Kim Deal. Pixies confirmados no Optimus Primavera Sound.Os Pixies perderam a baixista Kim, outra vez. Kim Shattuck, escolhida para substituir Kim Deal, revelou que o seu (pouco) tempo nos Pixies chegou ao fim. A banda bem tentou substituir a histórica Kim Deal.Resta agora saber quem será a nova, ou novo, baixista dos Pixies.

“Super desiludida por saber que o meu tempo com os Pixies acabou hoje [sexta-feira]. Experiência incrível. Estou ansiosa por focar a minha atenção de novo nos Muffs e no álbum que aí vem”, escreveu a baixista, líder dos Muffs, Kim Shattuck no Twitter.

Em Junho Kim Deal surpreendeu os fãs dos Pixies, a banda que co-fundou em Boston com Black Francis, Joey Santiago e David Lovering, com a notícia da sua saída.

Os Pixies terminaram em 1994 e reagruparam-se em 2004 para digressões de revisitação à sua discografia. Quando Kim Deal anunciou a sua saída os restantes elementos do grupo emitiram um comunicado em que se diziam “tristes” com a saída e “muito orgulhosos” por terem trabalhado com ela. “Iremos sempre considerá-la um membro dos Pixies, e o seu lugar estará sempre disponível para ela”.

BOB DYLAN

24200678-24200680-largeBob Dylan foi esta segunda-feira formalmente acusado e vai ser julgado pela Justiça francesa, por injúria e incitamento ao ódio, depois de ter, numa entrevista, alegadamente comparado os croatas aos nazis. O caso remonta a outubro do ano passado, quando o músico dos Estados Unidos, em entrevista à revista “Rolling Stone”, disse, a propósito da escravatura e da guerra da secessão nos Estados Unidos: “Se tiveres Ku Klux Klan no sangue, os negros vão notar, mesmo nos dias de hoje, tal como os judeus detetam o sangue nazi e os sérvios o sangue croata.”

Na sequência destas comparações, um grupo representativo dos croatas em França apresentou uma queixa contra o músico e contra a revista “Rolling Stone”.

Após a dissolução da Jugoslávia, Croácia e Sérvia envolveram-se num conflito sangrento entre 1991 e 1995, que causou cerca de 20 mil mortos.

As declarações que geraram polémica seguiam-se a comentários de Bob Dylan acerca do seu próprio país, onde, segundo o músico, o racismo e a segregação entre brancos e negros ainda persiste.

Quando, em meados de novembro, o músico se deslocou a Paris, para concertos e para receber a legião de honra pela ministra da Cultura francesa, Aurélie Filippetti, a justiça local interrogou-o a propósito do caso.

FRANK ZAPPA

Há 20 anos morria Frank Zappa.f. z.
Frank Zappa está no panteão de grandes músicos. Dezembro é um mês cruel para quem gosta de mister ‘Z’ morreu a 4 de dezembro de 1993. No final deste mês (21 de dezembro)faria 73 anos. Nos seus 53 anos mostrou-se perfeccionista e seminal, tornou-se um dos maiores guitarristas de todos os tempos, foi reconhecido como excelente compositor (de rock, jazz, música eletrônica e orquestral) e dono de um humor sarcástico e corrosivo.

Quem teve a oportunidade de assistir aos seus shows, COMO EU- VI AO VIVO FRANK ZAPPA EM MADRID (ensaiados, ritualísticos, mágicos, sempre envolvendo três ou quatro horas de músicas sem intervalos para os patrocinadores) sabe do quão bom músico Zappa era, e como sabia extrair o melhor dos melhores músicos que contratava (em comum com Miles Davis).

Um DVD com imagens de actuações ao vivo foi lançado para assinalar o 10º aniversário da morte do cantor, guitarrista e produtor.
«Does humour belong in music?» é o nome do DVD que inclui imagens do concerto realizado em Nova Iorque a 26 de agosto de 1984.

Temas como «Zoot allure», «Tinsel town rebellion» ou «Trouble every day» são apresentados neste DVD.