FESTIVAL ALL TOMORROWS PARTIES 2012

Kim Deal, Future Of The Left For ATP, estão prontos para fazer uma aparição no próximo All Tomorrows Parties, 2012, com curadoria dos Shellac.

Perseverança dos difíceis 12 meses o ATP está definido para terminar o ano em grande estilo. Voltando a Camber Sands, o festival convidou velhos amigos Shellac para curadores do evento.

Steve Albini & Co. escolheram projetos diversificados desde ícones do punk aos recém-chegados do brutal noise. As mais recentes adições apresenta alguns rostos familiares, com Kim Deal e Future of the Left, ambos têm fortes associações com o grupo de Chicago.

A baixista Kim Deal dos Pixies gravou o seminal trabalho com Steve Albini, enquanto o produtor também tem links para Andy Falkous e a sua antiga banda McLusky.

Definido para aparecer também no próximo evento ATP, estão os Wire, Mission of Burma, Uzeda, The EX, Melt Banana, Nina Nastasia, Zeni Geva, entre muitos outros.

ATP, 30 Novembro – 3 Dezembro.

Anúncios

MISSION OF BURMA

A chave para a notavel ressurreição dos Mission Of Burma durante a última década não é que a banda soa jovem de hoje, 30 anos após a separação, a banda sempre soou velho, ou pelo menos como velhas almas. De todas as bandas inspiradas no punk que saíram de Boston no início dos anos 80, sem ser demasiados pretensiosos, capazes de escrever canções emocionantes e tocar com intensidade feroz, o guitarrista Roger Miller, o baixista Clint Conley, o baterista Peter Prescott, e tape head Martin Swope, galvanizaram a cena da cidade de rock alternativo, e apesar de uma existência curta.

Na altura da sua extinção, grandemente explicada pela lesão auditiva do seu guitarrista, tinham lançado um EP e o seu primeiro e único álbum – no meio da convulsão agitada do punk -inesperadamente reuniram-se em 2002.

Mission of Burma é vintage início do post-punk anos 80: ritmos nervosos, mudanças estranhas no tempo, voz declamatória, doses generosas de electricidade, uma agressão auditiva mesma utilizada por bandas como Gang of Four, e Mekons- colegas bem como suas influências. Também visivelmente presente uma mistura de proto-punk dos Stooges e com uma pitada de Led Zeppelin.

MISSION OF BURMA

Que viagem longa e estranha tem sido para Mission of Burma. Vale a pena repetir que a banda de Boston terminou há duas décadas. Também vale a pena repetir que eles se separaram por causa do crescente zumbido do cantor guitarrista Roger Miller. Ou, mais claramente: A banda bombou tanto, e tão alto, que destruiu a sua própria audição. E então voltou. E, desde então, fez quatro fantásticos discos.

Para os não iniciados, um pouco da história, tendo o seu nome a partir de um edifício ameaçador que o baixista Clint Conley viu uma vez, eram uma banda post punk formativa após a sua primeira iteração, com clássico ‘Vs’ de 1982. Discussão sobre pavimentando o caminho: bandas como Sonic Youth, Guided by Voices, Pearl Jam, Nirvana todos os mantinham como influências.

‘Unsound,’ como o nome indica, é um tipo de inversão, uma lendária banda a fazer um disco que poderia ter sido o primeiro, e não mostram sinais de desaceleração.