MORRISSEY HOJE EM LISBOA

ng3605230Morrissey passeou no Chiado em Lisboa, antes do concerto de hoje há noite no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, com a sua digressão mundial de apresentação do álbum ‘World Peace is None of Your Business’.
No sábado foi fotografado a passear na zona do Chiado.

A fotografia que mostra Morrissey a atravessar a rua perto do Largo de Camões foi publicada na página de Facebook “Mozzerians of the world, unite and take over”.

Ao fundo, na imagem, um dos típicos elétricos de madeira amarelos lisboetas.
‘World Peace is None of Your Business’ foi gravado nos La Fabrique Studios, em Saint-Rémy-de-Provence, no sul França.

Natural de Manchester, no Reino Unido, Morrisey, de seu nome completo Steven Patrick Morrissey, liderou os The Smiths, banda ativa entre 1982 e 1987.

Anúncios

MORRISSEY

++amorrissey estaMorrissey garante que vai voltar aos palcos no dia 9, dia em que tem concerto marcado no Chelsea Ballroom de Las Vegas.

O músico confirmou o que a Billboard tinha avançado. Na semana passada foi internado no William Beaumont Hospital de Royal Oak, Michigan, devido a uma úlcera arterial, uma comoção cerebral e um problema no esófago ao qual se dá o nome de síndrome de Barrett.

«O positivo disto tudo é que não há mais doenças conhecidas para experimentar», declarou num comunicado transcrito pelo site de fãs True To You. «Estou amplamente determinado em retomar a digressão a 9 de Fevereiro no Chelsea Ballroom de Las Vegas. Se houver público ou algum tipo de audiência, poderei morrer com um sorriso na cara. Se não estiver lá, provavelmente não voltarei a estar em lado algum novamente», assumiu entre outras considerações recheadas de ironia.

O site revela ainda que o terceiro single de Morrissey, «The Last of the Famous International Playboys», vai ser reeditado em vinil e CD pela EMI em Março.

THE SMITHS- MORRISSEY – IGGY POP and THE STOOGES

+++igii

+++smit

O baterista dos Smiths, Mike Joyce, sonha com uma reunião da banda.Em entrevista ao Sun, o músico confessou ter tido um sonho em que Morrissey, Johnny Marr e Andy Rourke estavam todos no mesmo quarto com Joyce. O vocalista colocava então a pergunta: «com que canções abrimos?» e a resposta era «Hand In Glove».

«Depois acordei e ri-me», recordou Joyce que esteve ao lado do baixista contra Morrissey e Johnny Marr devido a um alegado desfalque de um milhão de libras em direitos. A questão não desmotiva o baterista que usa o exemplo dos Stone Roses, cuja reunião parecia impossível há alguns anos.

Recentemente, um promotor terá oferecido milhões para juntar os Smiths e Joyce respondeu: «estás a falar com a pessoa errada». O baterista garante «não pensar nisso todos os dias» mas assume que se dependesse de si, «a resposta seria provavelmente sim».

Em Fevereiro, Johnny Marr vê editado o primeiro álbum em nome próprio, «The Messenger», enquanto Morrissey continua na estrada e à espera de uma editora que pegue num disco que tem na gaveta há muito.

Morrissey foi hospitalizado em Royal Oak, Michigan, de acordo com o responsável, o artista «fez testes por suspeita de infecção urinária». O concerto da última quinta-feira em Flint, Michigan, foi cancelado e as datas em Chicago e Minneapolis vão ser remarcadas.No ano passado, Morrissey cancelou uma digressão devido a doença de mãe. Já o concerto em Portugal foi igualmente cancelado devido a uma lesão muscular nas costas do baixista.

Iggy & The Stooges têm novo álbum pronto, revelou o engenheiro de som Ed Cherney.De acordo com o Hitfix, o disco chama-se «Ready To Die» e é o sucessor de «The Weirdness» de 2007. Cherney fala num grupo de canções «sujas» e «à moda antiga».

«São grandes canções mas não têm necessariamente grandes refrões. São o Anti-Cristo dos hinos».

O técnico de som promete letras «muito actuais» com títulos como «I Got A Job But It Don´t Pay Shit» e «Gun». O guitarrista James Williamson voltou à formação depois de ter afastado em 1973 e é, simultaneamente, produtor.